Selecione a página

Pink Floyd – A Origem do Nome da Banda

Pink Floyd – A Origem do Nome da Banda

A banda britânica Pink Floyd, conhecida por sua música psicodélica e progressiva, teve uma origem intrigante para seu nome. Syd Barrett, um dos membros fundadores, foi quem teve a ideia de nomear a banda em homenagem a dois músicos de blues que admirava: Pink Anderson e Floyd Council. Essa decisão marcou o início de uma das bandas mais influentes da história do rock.

Pink Anderson: O Bluesman de Carolina do Sul

Pink Anderson, nascido em 1900 na Carolina do Sul, foi um renomado cantor e guitarrista de blues. Anderson começou sua carreira na década de 1920, tocando em shows de medicina, onde se apresentava para atrair audiências para vendedores de elixires. Sua habilidade com a guitarra e seu estilo vocal distinto lhe renderam um lugar de destaque na cena do blues. Ao longo dos anos, Anderson gravou várias músicas que se tornaram clássicos do gênero.

Floyd Council: O Mestre do Blues Piedmont

Floyd Council, também conhecido como “Dipper Boy,” nasceu em 1911 na Carolina do Norte. Council foi um dos principais artistas do estilo piedmont blues, caracterizado por seu ritmo alegre e uso de técnicas fingerpicking na guitarra. Durante as décadas de 1930 e 1940, Council gravou várias músicas que destacavam sua habilidade musical e sua influência no blues. Assim como Anderson, Council deixou um legado duradouro no mundo da música.

A Escolha do Nome Pink Floyd

Em meados dos anos 1960, a banda que se tornaria Pink Floyd estava procurando um novo nome. Originalmente chamada “The Tea Set,” a banda precisou mudar de nome para evitar confusões com outra banda de mesmo nome. Syd Barrett sugeriu “The Pink Floyd Sound” como uma homenagem a Pink Anderson e Floyd Council, dois músicos de blues cujos discos ele possuía. Com o tempo, o nome foi encurtado para “Pink Floyd,”. O resto é história

A escolha do nome Pink Floyd não só homenageou dois grandes músicos de blues, mas também ajudou a banda a estabelecer uma identidade única. O nome evocava uma conexão com a tradição do blues, ao mesmo tempo em que a música da banda explorava novos territórios sonoros. Essa combinação de raízes tradicionais e inovação ajudou Pink Floyd a se destacar no cenário musical dos anos 1960 e 1970.

O Legado de Pink Floyd

O Pink Floyd se tornou um ícone do rock psicodélico e progressivo, vendendo milhões de álbuns e deixando uma marca indelével na história da música. Álbuns como “The Dark Side of the Moon,” “Wish You Were Here,” e “The Wall” são considerados obras-primas. A escolha do nome Pink Floyd é um exemplo fascinante de como as influências musicais podem transcender gerações e gêneros.

Referências
PinkFloyd: The Dark Side of the Moon. Rolling Stone.
Pink Anderson: The Bluesman Behind the Name. Blues Archive.
Floyd Council: The Piedmont Blues Legend. American Blues Scene.
Syd Barrett and the Naming of PinkFloyd. Classic Rock Magazine.
The Influence of Blues on Pink Floyd. Guitar World.
Floyd Council’s Contribution to Blues Music. Smithsonian Magazine.
From Tea Set to Stardom. Music History Journal.
Avalie!

Publicidade